Notícias

A escalada do fascismo

03/04/18
O Brasil vive hoje uma escalada fascista assustadora. Após o país ser dividido entre vermelhos e verde-amarelos, como se vestissem camisas de times de futebol, a disputa avançou para lutas corporais, assassinatos e atentados, sem que as devidas providências sejam tomadas.
A crise econômica se atrelou a um conservadorismo religioso que vem tomando uma forma monstruosa. Aumento dos adeptos do ‘‘bandido bom é bandido morto’’, sendo que, nesse caso, bandido passa a ser qualquer pessoa que pense diferente deles.
Na política vemos uma luta de ‘‘combate à corrupção’’ de fachada que apenas estimula o ódio de A e B, sem punir com severidade aqueles que saqueiam os cofres públicos há décadas.
A morte da vereadora Marielle Franco (PSOL RJ) e o atentado a tiros à caravana do ex-presidente Lula (PT) mostram que essas pessoas perderam completamente a vergonha de empunhar seu racismo, preconceito e ira contra o que eles consideram ‘‘ameaça vermelha’’.
A passagem da caravana do ex-presidente (que se apresenta como pré-candidato apesar da ameaça de prisão a qualquer momento) pelo sul do país teve cenas dignas de Tarantino. Agricultores chegaram a chicotear integrantes do MST e espancar uma professora que luta contra um câncer. Nas redes sociais, hordas de trogloditas comemoram cada  avanço dos ditos ‘‘cidadãos de bem’’ que imbuídos de uma supremacia divina tentam acabar com ideais de esquerda.
A luta em favor da classe trabalhadora será sempre a bandeira do Sindicato dos Bancários do RN. E não serão divergências ideológicas com os campos de centro-esquerda que nos colocarão ao lado do fascismo.
Infelizmente o fascismo se encontra em todos os níveis sociais e de escolaridade, como por exemplo entre bancários. E só é possível combater isso com informação e conhecimento.
Se faz mister que defendamos o Estado Democrático de Direito. Após 54 anos da implantação da ditadura civil-militar no país, é o mínimo que devemos fazer para não ver tudo se repetir. Fascistas, não passarão!

LUTA BANCÁRIA

Mais revistas